CIA tentou localizar base terráquea da “Federação Galáctica” através de “visão remota”

A CIA, em conjunto com a Universidade de Stanford, operou um programa conhecido como STARGATE para investigar as habilidades e fenômenos ‘paranormais’ dos quais alguns humanos são capazes, e talvez todos nós.

Um dos programas sob a tutela do STARGATE era o programa de visualização remota. A visão remota é a capacidade de descrever um local remoto, independentemente da distância e proximidade do alvo, a partir de um determinado local independente. Então, basicamente, se você tivesse essa habilidade, poderia “ver” com precisão o que está na parte de trás da Lua, ou você poderia ver o que estaria dentro de um determinado edifício em outro país apenas com suas coordenadas.

O programa do governo dos EUA funcionou por aproximadamente 25 anos antes de ser desconfidencializado e supostamente ‘encerrado’. Com base na literatura disponibilizada, o programa foi claramente muito bem-sucedido e o fenômeno da visão remota foi bastante útil para a comunidade de inteligência.

Um artigo (FONTE) publicado um ano após a desconfidencialização do programa por um dos co-fundadores do programa, Dr. Harold (Hal) Puthoff no Journal of Scientific Exploration afirma o seguinte:

Para resumir, ao longo dos anos, as críticas de protocolos, refinamento de métodos e replicação bem-sucedida desse tipo de visão remota em laboratórios independentes geraram evidências científicas consideráveis ​​para a realidade do fenômeno (visão remota). Somando-se à força desses resultados foi a descoberta de que um número crescente de indivíduos pode demonstrar visão remota de alta qualidade, muitas vezes para sua própria surpresa (…) O desenvolvimento dessa capacidade na SRI evoluiu a ponto do pessoal da CIA, sem exposição prévia a tais conceitos, ter tido um bom desempenho sob condições laboratoriais controladas.

A Dra. Jessica Utts, ex-presidente do Departamento de Estatística da Universidade da Califórnia, Irvine e professora desde 2008, afirma o seguinte sobre o programa:

O que me convenceu foram apenas as evidências, as evidências acumuladas enquanto trabalhava nesse campo e ver cada vez mais as evidências. Visitei os laboratórios, mesmo além de onde estava trabalhando para ver o que eles estavam fazendo e pude observar que tinham um sistema de controle realmente rígidos (…) então me convenci pela boa ciência que vi sendo feita. E, de fato, direi que, como estatístico, fiz consultoria em muitas áreas diferentes da ciência; a metodologia e os controles desses experimentos são mais rígidos do que em qualquer outra área da ciência em que trabalhei. (FONTE)

Na minha opinião, é uma pena que ‘habilidades especiais’ como essas não sejam estudadas na academia convencional, mas estudadas nos níveis mais altos de governos nos setores de inteligência. Quando se trata de tecnologia, habilidades especiais ou soluções para os problemas do mundo, não é a tecnologia, a capacidade das pessoas ou as soluções que vão mudar o mundo, mas a consciência por trás desses fatores. Para que usamos nossas novas descobertas? Qual é a nossa intenção? Nós os usamos para o avanço da experiência humana e para o bem de todas as pessoas? É por isso que soluções que surgem em vários campos, como tecnologia de energia limpa, por exemplo, nunca são implementadas.

Visão Remota e a “Federação Galáctica”. 

Os documentos desconfidencializados tem inúmeros exemplos de experimentos de visão remota bem-sucedidos e também exemplos do mundo real. É seguro presumir que a totalidade do programa e seu conteúdo não foi desconfidencializado, e isso parece evidente a partir do testemunho de vários observadores remotos da CIA / militares que comprovadamente fizeram parte do programa por muitos anos. Um tema comum entre muitos dos espectadores é seu grande interesse no fenômeno extraterrestre. Por quê? Suas experiência no programa de visão remota influenciaram essa forte crença e interesse? Há algo que não nos foi dito?

Abordaremos esse ponto em breve, bem como mais exemplos, mas o que eu queria mostrar nesse momento é um link para uma sessão de visão remota conduzida pela CIA para ver a sede da “Federação Galáctica” na Terra.

Abaixo está uma captura de tela do documento (FONTE). Não está claro quem é o visualizador remoto. Em muitos outros documentos do programa de Visualização Remota, os nomes são rasurados.

É interessante que esta sessão de visão remota foi conduzida em 1988. Em primeiro lugar, de onde a CIA tirou a ideia de procurar algum tipo de Federação Galáctica? Isso levanta muitas questões.

A ideia de que existe algum tipo de “Federação Galáctica” de raças que representam uma força benevolente em nossa galáxia ou universo não é uma ideia nova. Channelers (PT: canalizadores; médiuns), aqueles que afirmam estar em comunicação telepática com diferentes grupos de extraterrestres, transmitiram essa ideia à raça humana por muitas décadas. Essa ideia foi recentemente deflagrada novamente quando Haim Eshed, ex-chefe do diretório espacial do Ministério da Defesa de Israel, ex-general e professor respeitado afirmou que os EUA e Israel têm estado em contato com extraterrestres inteligentes por um longo tempo. Ele se referiu especificamente à “Federação Galáctica” enfatizando como eles estão esperando que a humanidade evolua, e que não estamos totalmente prontos para o contato. Este sentimento ecoa a mensagem da transmissão acima. Você pode ler mais sobre essa história aqui.

Eu acredito que os OVNIs possam ser naves extraterrestres … As nações do mundo estão atualmente trabalhando juntas na investigação do fenômeno OVNI. Existe um intercâmbio internacional de dados. Talvez quando esse grupo de nações adquirir informações mais precisas e definitivas, seja possível divulgar a notícia para o mundo. General Carlos Castro Cavero, General da Força Aérea Espanhola e ex-Comandante da Terceira Região Aérea da Espanha, em entrevista a JJ Benitez, La Gaceta del Norte, Balboa, Espanha, 27 de junho de 1976.

A história foi captada por vários meios de comunicação tradicionais, a maioria deles ridicularizou a história, com alguns deles sugerindo a ideia de que Eshed estaria apresentando quadros de insanidade. Acho isso curioso dado o fato de que recentemente a grande mídia tem publicado vários artigos nos meios de comunicação levando a questão dos OVNIs e a possibilidade de inteligência extraterrestre muito a sério, incluindo a CNN.

É interessante notar como uma história sobre supostos extraterrestres estimulando nossa união e evolução como espécie é completamente ridicularizada, mas outros incidentes com viés narrativo de ameaça são levados completamente a sério.

Este tópico é uma discussão profunda e temos escrito sobre o assunto a partir de vários ângulos. Se você quiser peneirar nossos artigos sobre o tema, visite a seção do nosso site aqui.

Outros exemplos de visualizadores remotos falando sobre extraterrestres

De acordo com Lyn Buchanan,

“Depois do serviço militar, um ramo do governo me pediu para fazer um trabalho, um trabalho de estudo para comparar e contrastar a habilidade psíquica extraterrestre com a habilidade psíquica humana. O estudo que fiz foi porque me foi dado acesso a muitas das coisas que nunca foram divulgadas porque não poderiam ser negadas. De qualquer forma, ao estudar isso, descobri que podemos enquadrar os extraterrestres de todos os tipos e espécies diferentes em quatro categorias principais. Temos aqueles que são mais psíquicos do que nós e aqueles que são menos psíquicos do que nós. Em cada uma dessas duas categorias temos os amigos e os hostis, os hostis e não psíquicos tendem a não vir aqui. Eles não gostam de nós, eles não querem estar perto de nós. Os amigáveis ​​não psíquicos vêm aqui para negociar. Os amigos psíquicos realmente querem nos ajudar a desenvolver nossas habilidades e nos tornar mais fortes nesse ponto. E os psíquicos hostis nos querem eliminados do planeta, eles nos querem mortos, ponto final, sem perguntas.”

Ele também menciona bases extraterrestres que estão na Terra e diz que existem aproximadamente cinco. Ele menciona que eles estão todos dentro de montanhas e que em algumas dessas bases os humanos estão trabalhando com esses extraterrestres de várias maneiras.

Timothy Good, lendário pesquisador de OVNIs, conta a história muito bem em seu livro Unearthly Disclosure:

De acordo com o Capitão Frederick H. Atwater, um oficial aposentado do Exército dos EUA, também envolvido na época em experimentos altamente confidenciais de “visão remota” para a CIA e a Agência de Inteligência de Defesa, bem como para o Comando de Inteligência e Segurança do Exército, Price tinha visto remotamente quatro bases alienígenas na Terra, uma das quais estava localizada sob o Monte Ziel, Território do Norte. O Monte Ziel fica a cerca de 80 milhas a oeste-noroeste de Pine Gap. Price acreditava que a base continha uma mistura de ‘pessoal’ das outras bases, com um propósito de ‘transportar novos recrutas, com uma função geral de monitoramento’. As outras bases estariam sob o Monte Perdido nos Pirenéus, o Monte Inyangani no Zimbábue e, coincidentemente, no Alasca sob o Monte Hayes. Price descreveu os ocupantes como ‘parecidos com homo sapiens, exceto pelos pulmões, coração, sangue e olhos’.

Habilidades “paranormais” em humanos foram demonstradas repetidas vezes, entretanto, esses fatos são amplamente ignorados e até mesmo ridicularizados pela corrente acadêmica, apesar do fato de serem estudados e usados ​​no mais alto nível do governo por décadas. Isso porque, ao longo da história da humanidade, o ser humano foi levado a pensar de uma determinada maneira e a acreditar no que é possível e no que não é.

Essas descobertas são enormes para expandir a consciência humana e aprender mais sobre nós mesmos e a natureza da realidade.

“Não há nada novo a ser descoberto na física. Tudo o que resta é uma medição cada vez mais precisa.” Esta afirmação foi feita por Lord Kelvin – famoso matemático e físico escocês que contribuiu para muitos ramos da física – em 1900 e destruída apenas cinco anos depois, quando Einstein publicou seu artigo sobre a relatividade. Isso representa um de muitos exemplos.

Com tudo isso dito, a mente coletiva está se abrindo, e está se abrindo muito rápido. Quando a humanidade estiver pronta e pudermos operar de um lugar de paz, amor, compreensão e boa vontade, em vez de um lugar de posse material, julgamento, desejo por riqueza, poder e controle, talvez a humanidade possa começar a compreender e utilizar as habilidades e potencial que todos nós possuímos.

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *